Orçamento empresarial: saiba como montar e sua importância

O orçamento empresarial é uma das principais ferramentas para proporcionar o crescimento financeiro de uma empresa. Através de uma estimativa de receitas, despesas e tendências para os períodos futuros é possível criar um planejamento sólido que permite que o seu negócio chegue mais longe.

Muitos empreendedores pensam que o orçamento empresarial deve ser utilizado apenas por grandes organizações que possuem movimentações milionárias. Entretanto, mesmo pequenos negócios e profissionais autônomos podem se beneficiar dessa ferramenta.

Imagine que você vá ao supermercado fazer as compras do mês. Porém, antes de sair de casa você elabora uma lista de todos os produtos necessários com os seus respectivos valores e compara com o valor que está disposto a gastar – cortando alguns itens menos necessários da lista. Os resultados das suas compras tendem a ser melhores, certo?

A importância do Orçamento Empresarial

Se esse exercício já apresenta benefícios em uma compra no supermercado, imagine o que ele pode fazer pela sua empresa. Neste artigo veremos qual é a importância do orçamento empresarial e como você pode montá-lo na sua empresa. Confira.

Importância do orçamento empresarial

Uma empresa de sucesso precisa conseguir gerenciar de forma assertiva diversas atividades entre os setores: comercial, marketing, RH, financeiro (fiscal/contábil), compras, entre outros. É somente quando todos eles obtêm um bom desempenho que a empresa alcança bons resultados.

Entretanto, parte da efetividade das atividades desenvolvidas passa pelas finanças. De nada adianta o setor de marketing conseguir mobilizar um grande público consumidor quando consome tantos recursos da empresa que os outros setores não conseguem executar o seu trabalho de forma adequada. Imagine uma ação de marketing que atrai vários consumidores mas a empresa não consegue vender porque o estoque não foi reabastecido.

Por essa razão, um dos maiores benefícios do orçamento empresarial está na distribuição adequada dos recursos entre todos os setores da empresa – para que todos possam executar um bom trabalho. 

Além disso, essa é uma ferramenta que pode ser utilizada de forma estratégica na tomada de decisão. Prever as receitas e despesas de períodos futuros permite que o empreendedor esteja sempre um passo à frente, planejando as suas ações conscientes dos cenários possíveis.

Como montar um orçamento empresarial?

Como montar um orçamento empresarial?

Mas e então, como você pode montar um orçamento empresarial na sua empresa? Para ajudá-lo a utilizar essa ferramenta de forma adequada, separamos um passo a passo:

1. Faça um planejamento

O primeiro passo para o seu orçamento empresarial é fazer um planejamento. Nessa etapa você deve buscar todas as informações dos períodos anteriores: resultados obtidos, despesas separadas por categoria, média de vendas, sazonalidades ao longo do ano, gastos inesperados, entre outras informações que possam ser úteis.

Além disso, é o momento ideal para definir os objetivos da empresa para os próximos anos. Você vê o seu negócio crescendo durante o próximo ano? Coloque isso em números para servir como base no seu orçamento empresarial – afinal, será preciso considerar esse crescimento no momento de estimar as receitas e despesas.

2. Estude todas receitas e despesas

Identifique a origem de todas as receitas e despesas da sua empresa. Quanto mais afinidade você possuir com essas contas mais comuns, maior será a exatidão do seu orçamento. Faça uma lista com todas as receitas e despesas – incluindo o valor médio mensal e calculando o impacto anual.

3. Destine uma verba para cada setor

Mais do que conseguir estimar as receitas e despesas dos próximos períodos, um bom orçamento empresarial também precisa dividir os recursos disponíveis entre os setores da organização. Para conseguir colocar isso em prátia, leve em consideração os gastos realizados no último ano e a projeção de crescimento da empresa.

4. Defina o orçamento 

Com base em isso tudo, é possível definir o orçamento da empresa. Não esqueça de levar em consideração as áreas que costumam consumir mais recursos nas empresas (como o quadro de funcionários) e dê mais importância para as atividades essenciais – como a compra de mercadorias.

As principais informações que o seu orçamento empresarial deve conter são:

  • Despesas divididas por setores
  • Receitas 
  • Investimentos
  • Empréstimos
  • Custo para executar as operações essenciais
  • Projeção do fluxo de caixa

5. Crie vários cenários

Nem sempre os resultados acontecem de acordo com as previsões, certo? Por essa razão é tão importante criar diversos cenários: pessimista, realista e otimista. Essa é uma forma para estar preparado tanto para o pior quanto para o melhor – facilitando na tomada de decisão.

Você já conhecia a importância do orçamento empresarial? Essa é uma ferramenta utilizada na sua empresa? Deixe o seu comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *